Centro Paula Souza e Prefeitura promovem encontro para discutir cronograma de cursos

Centro Paula Souza e Prefeitura promovem  encontro para discutir cronograma de cursos

O Centro Paula Souza (CPS) e a Prefeitura de Ferraz de Vasconcelos realizaram na manhã desta quarta-feira (dia 17 de janeiro), em São Paulo, a primeira reunião para discutir o cronograma de cursos que poderão ser ministrados no município neste ano. Participaram do encontro o secretário municipal de Desenvolvimento Econômico e Agropecuário Pedro Elias Bou Assi e a assessora da Coordenação Técnica de Formação e Educação Continuada, Carla Sato.

A iniciativa de discutir a questão partiu do Centro Paula Souza, em virtude de as parcerias realizadas no ano passado com a Prefeitura ter alcançado índices positivos. “Os cursos de solda que foram desenvolvidos em Ferraz atenderam uma grande demanda de alunos e isso foi um dos nossos principais objetivos”, destaca a professora Carla Sato.

Durante a reunião, Bou Assi aproveitou a oportunidade para fazer uma explanação das atividades objetivando o aquecimento da economia local e dos programas, que estão sendo estudados para serem implantados no município. “As empresas de Ferraz necessitam de mais mão de obra especializada, para não ter de ‘importar’ trabalhadores de outras regiões. Mas, para isso acontecer temos de oferecer cursos de capacitação que irão atender as demandas dos empreendedores de nossa cidade, fazendo também, que outras indústrias se interessem em se instalar em nosso parque industrial”, ressalta o secretário.

Ficou definido na reunião que a Prefeitura vai realizar um levantamento junto às empresas da cidade, que definirá quais cursos serão pleiteados ao Centro Paula Souza. “O prefeito Zé Biruta (José Carlos Fernandes Chacon), quer deixar um legado que compreende a valorização das empresas instaladas no município o crescimento econômico. Ferraz é uma cidade que tem de voltar a evoluir economicamente e, por esse motivo, é que os cursos de capacitação têm extrema importância”, avalia Bou Assi.

TEXTO: Miguel Leite

FOTOS: Miguel Leite / Secom Ferraz