Ferraz aumenta número de matriculados e reduz fila de espera na educação

Ferraz aumenta número de matriculados  e reduz fila de espera na educação

A Secretaria de Educação de Ferraz de Vasconcelos, por meio do departamento de Demanda, divulgou nesta quinta-feira, 14 de junho, um balanço dos números de matriculados na rede municipal de ensino, bem como que aguardam na fila de espera. De janeiro a junho deste ano, a lista de quem aguarda por um vaga diminuiu de 1,2 mil para 399.

Hoje, a Educação ferrazense possui 20 creches municipais, com 1.705 crianças matriculadas, 16 creches conveniadas , com 2.203 alunos, 15 unidades que atendem o Pré I, com 1.940 estudantes, 17 unidades que trabalham com o Pré II, sendo 1.965 alunos matriculados, 21 escolas com atendimento do 1º ao 5º ano, com 11.438 estudantes, cinco unidades que atendem do 6º ao 8º ano, com 1.157 alunos, três unidades que desenvolvem o Ensino para Jovens e Adultos (EJA), com 529 estudantes, e a Escola Municipal de Educação Especial (Emee) “Monteiro Lobato”, que atende crianças com deficiências, com 65 alunos regularmente matriculados, além dos polos existentes em outras unidades escolares que também oferecem este atendimento.

De 2017 para 2018, foram criadas 403 novas vagas nos Centros de Educação Infantil (CEI’s) “Semear II”, na Vila Jamil, “Sementinha II”, no Tanquinho, “Maria Aparecida Thereza”, na Vila Andeiara e “Oito de Março”, na Vila Margarida. Também foram disponibilizadas 539 novas vagas para nas Escolas Municipais de Educação Infantil (Emei’s) “Maria da Gloria Fernandes leite”, no Tanquinho, “Sylvia da Silveira de Martini”, na Vila Santa Margarida e na Escola Municipal de Ensino Infantil e Fundamental (Emeif) “Antonio Schiavinatti”, na Vila São Paulo.

O município possui 21.285 alunos, incluindo as escolas conveniadas. Na fila de espera, encontram-se 399 crianças, do que no começo deste ano era um total de 1,2 mil crianças. De acordo com a pasta, esta redução só foi possível por conta de ações que visaram ampliar o atendimento da rede de ensino, e que proporcionou a abertura de mais vagas entre 2017 e 2018, objetivando também a transparência.

O intuito é continuar aumentando a oferta de atendimento, ainda segundo a Secretaria, e isso já começa a ser uma realidade com a inauguração do CEI “Mário Cocielo”, na Vila das Nações, no próximo semestre, que atenderá 90 crianças. Algumas escolas também já tiveram suas salas ampliadas, como é o caso da Emeif “Antônio Schiavinati”.

Para a secretária da Educação ferrazense, Valéria Eloy da Silva Kovac, o aumento na oferta de vagas está diretamente ligado ao atendimento de qualidade à criança. “Estes números representam nosso respeito frente ao aluno, proporcionando, assim, a possibilidade dele receber o aprendizado em um ambiente adequado para sua educação. Para continuar este trabalho, ainda neste ano inauguraremos mais quatro creches e já solicitamos ao Governo Federal a construção de mais seis”, contou a titular.

Dia Mundial Contra o Trabalho Infantil

A Secretaria Municipal de Educação promoveu na última quarta-feira, 13 de junho, uma palestra alusiva ao Dia Mundial de Combate ao Trabalho Infantil, datado oficialmente em 12 de junho. O encontro ocorreu no Centro de Integração a Cidadania (CIC), no Parque Dourado, e contou com a apresentação de dança dos alunos da Emeif “Silvino Antunes de Souza”, do coral dos alunos da Emef “Professora Nurimar Martins Hiar”, e com a ministração do gestor Adenilton José de Santana, que teve como tema “Os Direitos da Criança”.

TEXTO: Leticia Riente

FOTOS: Aurélio Alves / DeCom Ferraz