Ferraz reúne mais de 300 pessoas na “XI Conferência Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente”

Ferraz reúne mais de 300 pessoas na “XI Conferência Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente”

Ferraz de Vasconcelos recebeu nesta quarta e quinta-feira, 21 e 22 de novembro a “XI Conferência Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente”. O evento, promovido pelo Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente e pela Secretaria Municipal de Assistência Social, ocorreu em uma organização social da cidade, no Jardim Angelina, e reuniu mais de 300 pessoas nos dois dias. O vice-prefeito Karim Yousif Kamal Moustafa El Nashar também marcou presença na ocasião.

Com o tema “Proteção Integral, Diversidade e Enfrentamento à Violência”, o primeiro dia das dicussões foi voltado às próprias crianças e adolescentes, com oficinas de dança, música, desenho, entre outras, seguindo a faixa etária de cada grupo. Já o segundo dia de evento, foi direcionado aos responsáveis por entidades que atendem estes jovens, representes do poder público, e principalmente, socieidade civil. Na oportunidade, os presentes puderam aprender com a palestra da assistente social Aline Lima, além de participar de rodas de conversa e apresentar propostas.

De acordo com a presidente do Conselho, Cintia Casanova Kehr, a Conferência tem como principal objetivo integrar poder público e sociedade civil no estudo por melhorias nos serviços voltados à crianças e adolescentes. “A cada três anos, é obrigação do Conselho convocar a Conferência, que server de espaço para a população discutir, verificar avanços e debater o que ainda pode melhorar, também nos dando sugestões. Não podemos cobrar se não participarmos, por isso é tão importate pensarmos junto com o poder público. O Estatuto da Criança e do Adolescentes nos mostra que isto é um dever de todos, seja Estado, comunidade ou cidadão”, afirmou Cintia.

O titular da Assistência ferrazense, Rodrigo de Freitas Siqueira, destacou a importância das propostas apresentandas para a próxima etapa do evento. “Esta é a fase municipal, mas ainda levaremos as sugestõe para a etapa regional, estadual e nacional. A conferência vem ao encontro da necessidade do Conselho Nacional conseguir ter uma ideia do que está acontecendo na ponta, e do que as crianças e adolescentes mais precisam. Ao final da Conferência, com certeza discutiremos o que pode ser implatado de imediato na cidade para melhorar nossos serviços”, ressaltou Siqueira.

O vice-prefeito Karim El Nashar, além de elogiar a organização do evento, disse da preocupação em efetivar políticas públicas sociais, também voltadas às crianças e adolescentes. “É uma satisfação para gente ver um evento tão bonito e tão importante, onde conseguimos observar a dedicação de quem esteve por trás dele, além de ser um símbolo de consagração e prestígio da democracia. Tenho certeza que esta Conferência nos dará bons resultados, afinal uma das nossas prioridades é a criança e o adolescente. Um exemplo disto é o que diz o prefeito José Carlos Fernandes Chacon, o Zé Biruta, que se for para escolher entre construir uma escola e tapar um buraco, vamos construir a escola. Cultivem a escola, o respeito, a educação, e sempre lembrem que todo e qualquer direito deve ser cumprido”, falou El Nashar.

Vale destacar que os jovens estiveram envolvidos em todo processo de organização da Conferência, desde os bastidores, até o credenciamento nos dias do evento, cerimonial, apresentações culturais, etc.

TEXTO: Leticia Riente

FOTOS: Aurélio Alves – MTB: 85280 / SP/ DeCom Ferraz