Ferraz promove programação alusiva ao Junho Violeta

Ferraz promove programação alusiva ao Junho Violeta

A Secretaria de Saúde de Ferraz de Vasconcelos está promovendo uma série de palestras sobre Ceratocone, doença que ataca os olhos e pode resultar na deformação da córnea. As ações são alusivas ao Junho Violeta, mês dedicado à prevenção da doença. Hoje, 6 de junho, foi a vez dos pacientes da Unidade Básica de Saúde (UBS) “Antônio Nhan”, na Cidade Kemel, saberem mais sobre a Ceratocone.

A ministração foi realizada pela médica generalista da Estratégia da Saúde da Família (ESF), Thiesa Quaresma Rodrigues, para mais de 20 pacientes do posto de saúde. Além de explicar sobre o que é a doença, a médica falou sobre os sintomas, tratamentos e ainda sobre como é possível evitar o agravamento da enfermidade.

A próxima palestra sobre o assunto deve ocorrer amanhã, 7 de junho, a partir das 8 horas, na UBS do Jardim São Lázaro. Orientações neste sentido estão agendadas para ocorrerem em outras unidades de saúde do município até o final deste mês.

De acordo com o titular da pasta, Aloísio Lopes Priuli, estas palestras são fundamentais, visto que muitas vezes as pessoas nem sabem que são portadoras da doença. “Os primeiros sintomas são coceira nos olhos, sensibilidade à luz e muitas vezes o paciente nem se deu conta de que pode ser um problema grave. Dependendo do grau da Ceratocone, a pessoa precisa até de um transplante de córnea, e tudo isso porque não sabia sobre a doença ou como tratá-la. Disseminar estas informações é essencial para a saúde pública como um todo”, destacou Priuli.

Além disso, o prefeito José Carlos Fernandes Chacon, o Zé Biruta, ressalta que realizar as palestras nas unidades também mostra aos servidores a importância de se tocar no assunto. “Desta forma, também estimulamos os profissionais da Saúde a orientarem neste sentido, fazendo a busca ativa e proporcionando um diagnóstico precoce”, disse o chefe do Executivo ferrazense.

A Ceratocone

A Ceratocone é uma doença que causa a deformidade da córnea, onde uma membrana transparente que protege o olho humano torna-se fina e curva. A doença é degenerativa e esfregar ou coçar os olhos pode prejudicar o quadro do paciente.

 

TEXTO: Leticia Riente – MTB: 87999 / SP

FOTOS: DeCom Ferraz