Samu de Ferraz reforça número de telefone para atendimentos

Samu de Ferraz reforça número de telefone para atendimentos

O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) de Ferraz de Vasconcelos alerta para o número de telefone que deve ser utilizado pela população em casos de solicitação de atendimento. O órgão tem recebido muitas ligações pelo telefone administrativo, o que impossibilita o atendimento eficaz dos casos, levando em conta os números de protocolo que devem ser gerados e o atendimento primário que é realizado via telefone por um profissional capacitado. Em casos de emergência, a população deve usar o 192 para contato.

O atendimento começa a partir do chamado telefônico, onde há o registro da ligação e um número é gerado. Em um primeiro momento, os técnicos do Samu se concentrarão em coletar informações preliminares sobre as vítimas e a localização da ocorrência. Depois são prestadas as orientações necessárias por meio de um médico regulador. Neste momento, é verificada a quantidade de vítimas, o estado de consciência delas e se alguma está presa nas ferragens. Em seguida, há o acionamento da ambulância. Tudo isso é feito por meio das informações que a pessoa que está do outro lado da linha presta. Se o contato for realizado pelo telefone administrativo da unidade, este atendimento torna-se deficiente.

Vale destacar que o Samu tem o objetivo de chegar precocemente à vítimas após ter ocorrido alguma situação de urgência ou emergência que possa levar ao sofrimento, sequelas ou até mesmo à morte. São urgências de natureza clínica, cirúrgica, traumática, obstétrica, pediátrica, psiquiátrica, etc.

De acordo com a coordenadora geral do Samu de Ferraz, Fernanda de Paula Branco, a simples ação de ligar no número indicado pode ajudar a salvar uma vida. “Estamos falando de uma situação que qualquer deslize, qualquer movimento errado, não só da parte dos profissionais, mas também das pessoas envolvidas no atendimento, pode gerar inúmeras consequências. Por isso, é tão importante que o munícipe tenha isso fixo consigo de que já é um passo a frente ligar para o 192 e não para qualquer outro número nosso, que são utilizados até de forma interna. Um segundo pode salvar uma vida em risco”, afirmou Fernanda.

Quando chamar o Samu

O Samu deve ser acionado em ocorrências cardiorrespiratórias, intoxicação exógena e envenenamento, queimaduras graves, em ocorrência de maus-tratos, trabalhos de parto de haja risco de morte da mãe ou do feto, em tentativas de suicídio, crises hipertensivas e dores no peito de aparecimento súbito, quando houver acidentes ou traumas com vítimas, afogamentos, choques elétricos, acidentes com produto perigosos, suspeita de AVC (alteração súbita na fala, perde de força em um lado do corpo e desvio do lábio são os sintomas mais comuns), agressão por arma de fogo ou arma branca, soterramento, desabamento, crises convulsivas, transferência inter-hospitalar de doentes grave e outras situações consideradas de urgência ou emergência, com risco de morte ou sofrimento intensivo.

 

TEXTO: Leticia Riente – MTB: 87999 / SP

FOTOS: Aurélio Alves – MTB: 85280 / Decom Ferraz