Prefeito consegue 10 respiradores para o Hospital Regional

Prefeito consegue 10 respiradores para o Hospital Regional

Entre muitas reuniões e pedidos junto ao secretário de Desenvolvimento Regional do Estado de São Paulo, Marcos Vinholi, o prefeito de Ferraz de Vasconcelos, José Carlos Fernandes Chacon, o Zé Biruta, conseguiu que o Hospital Regional “Doutor Osíris Florindo Coelho” seja contemplado com 10 respiradores para atender pacientes com coronavírus.

Esses respiradores devem ser entregues ainda hoje, dia 8, segunda-feira, no Regional, que vai aumentar o número de leitos de UTIs e dar um atendimento maior aos pacientes de Ferraz e região.

“Nós construímos um Hospital de Campanha aqui na nossa cidade com 50 poltronas, 20 leitos e 10 UTIs e toda uma estrutura de qualidade para atender pacientes com a Covid-19, porque o Regional atende todas as cidades vizinhas e só possui 8 leitos de UTIs. Fiz várias reuniões com membros do governo do Estado e logicamente com o secretário de Estado, Marcos Vinholi que atendeu nossa demanda em mandar para o Hospital Regional 10 respiradores para aumentar o atendimento aos que necessitarem desse equipamento,” disse o prefeito.

Até o momento, a cidade tem 497 casos confirmados de coronavírus, 1.872 notificados, 55 óbitos e 128 recuperados, porém, a Secretaria Municipal de Saúde tem feito trabalhos de conscientização da população em se manter em casa, usar máscaras e manter um distanciamento quando saírem de casa para fazer compras, além de aferir a temperatura dos usuários das UBSs e fazer testes nos pacientes que estejam sentindo algum sintoma do coronavírus.

“Essa é uma grande conquista para a cidade, esperamos que com esses outros 10 respiradores o Hospital Regional possa dar um melhor atendimento aos pacientes tanto da nossa cidade como dos municípios adjacentes,” falou o prefeito.

Vale lembrar que o Hospital de Campanha funciona no Ginásio Municipal de Esportes “Professor Adão Dias dos Santos”, na Estrada dos Bandeirantes, 196, no Jardim Santa Rosa, e o atendimento é das 7 às 22 horas e 24 horas para pacientes que estejam internados.

 

TEXTO: Fernando Felippe / Mtb: 81097/SP

FOTOS: Fernando Felippe / Mtb: 81097/SP – DeCom Ferraz.