Projeto Cidadão Voluntário é lançado em Ferraz

Projeto Cidadão Voluntário é lançado em Ferraz

A Secretaria de Indústria, Comércio, Ciência e Tecnologia de Ferraz de Vasconcelos fez o lançamento oficial do Projeto Cidadão Voluntário nesta quarta-feira (17 de maio). A ação tem por objetivo aproximar o munícipe e iniciativa privada do poder público e ainda gerar mobilizações relacionadas a limpeza da cidade.

Observadas as necessidades e a real situação do município, o projeto consiste na manutenção realizada pelos próprios moradores no entorno das propriedades. A iniciativa começou a ser discutida na segunda quinzena de janeiro e já tem adeptos, principalmente no bairro do Cambiri, o que serviu como teste para que o projeto fosse realmente lançado.

“Temos muitas chácaras no Cambiri, então o mato alto e sujeira são encontrados com mais facilidade. Com uma ação voluntária dos ferrazenses daquela região, colocamos em prática o projeto e já temos visto o empréstimo de equipamentos, como roçadeira e outros materiais, e ainda de mão de obra, de um munícipe para outro, além de vias mais limpas”, afirmou o titular da pasta idealizadora do projeto, Pedro Elias Bou Assi.

Ainda de acordo com o chefe de Indústria e Comércio, o próximo passo é que uma confraternização seja realizada com os munícipes que já aderiram a ação, para que essa aproximação seja devidamente efetivada e para que um feedback seja discutido, tanto por parte dos munícipes como da Prefeitura.

“Creio que esse projeto é um resgate do civismo, traz valor ao munícipe. O ferrazense, a iniciativa privada e a administração pública são segmentos que devem andar lado a lado e para isso queremos aproveitar o entusiasmo dos moradores frente a essa ação. Com certeza essa é uma iniciativa que se estende a outros setores da Prefeitura”, destaca Pedro Bou Assi.

PAT

Na tarde desta quarta-feira (17 de maio), a responsabilidade do Posto de Atendimento ao Trabalhador (PAT) de Ferraz de Vasconcelos foi passada para a Secretaria de Indústria, Comércio, Ciência e Tecnologia. A gestão do órgão que era realizada pela Secretaria de Promoção e Desenvolvimento Social, passou para a nova pasta com o objetivo de “colocar a casa em ordem”, como explicou o secretário de Indústria e Comércio, Pedro Elias Bou Assi.

De acordo com o titular, o funcionamento do local não mudará, mas é aguardado que novas diretrizes para melhorar o atendimento ao munícipe sejam enviadas pelo governo estadual em breve.

TEXTO: Leticia Riente
FOTOS: Secom Ferraz