Comunicação Social

Mais Categorias:

04
nov

“3º Casamento Comunitário” será celebrado em maio de 2014

“3º Casamento Comunitário”  será celebrado em maio de 2014

Anúncio foi feito na manhã de ontem (3 de novembro) pela primeira-dama de Ferraz de Vasconcelos, Viviane Vieira dos Santos, durante a celebração da segunda edição da união coletiva promovida pelo Fundo Social de Solidariedade; abrigado no Montreal Eventos, evento oficializou o enlace de 65 casais da cidade

A primeira-dama de Ferraz de Vasconcelos, Viviane Vieira dos Santos, confirmou na manhã de ontem (3 de novembro) que o próximo “Casamento Comunitário” será celebrado na cidade no mês de maio de 2014. O anúncio foi feito durante a celebração da segunda edição da união coletiva, que foi abrigada no Montreal Eventos, no Tanquinho. Na festiva oportunidade, e de forma totalmente gratuita, 65 casais da cidade, entre católicos e evangélicos, oficializaram união.

Realizado pelo Fundo Social de Solidariedade de Ferraz, o evento teve início por volta das 10h30 e contou com a participação do chefe do Poder Executivo ferrazense, Acir Filló. Os noivos, um total de 65, também foram prestigiados por seus amigos e familiares. Mais de 1,5 mil pessoas lotaram as dependências do salão de festas para acompanhar a celebração do tipo inter-religiosa.

Após a abertura oficial da cerimônia, os trabalhos ficaram sob a responsabilidade do padre Odilon Rodrigues Camargo, da Paróquia São Francisco de Assis. O religioso abençoou a união de 18 casais católicos. Em seguida, o pastor Marcos Ely Facundo, da Comunidade Evangélica Redenção Plena (Coerp), oficializou o enlace de 47 evangélicos.

Não houve custas de cartório inerentes ao processo civil para nenhum dos casais participantes. O “Casamento Comunitário” foi oferecido gratuitamente, bem como a festa que ocorreu após a assinatura dos papéis. Na oportunidade, os recém-casados foram agraciados com fotos, bolo e champanhe. Para completar o momento especial, utensílios domésticos e materiais de decoração foram entregues aos novos casais. Apoiaram a iniciativa as empresas Luvidart, Alumínio ABC, Alumínios Alegrette, Alumínio Soberano, Cartório Chacon, Coerp e Paróquia São Francisco de Assis.

Para a presidente do Fundo Social ferrazense, o evento deste domingo reforçou a função do órgão na prestação do serviço desinteressado a quem mais precisa. Com o sucesso da primeira edição, promovida em 25 de maio e que contemplou 44 casais, e da segunda união, com o enlace de 65 noivos, a previsão é que a Prefeitura de Ferraz invista numa terceira edição, que deverá ocorrer em 2014 em maio – mês das noivas:

“A felicidade dos participantes é o que mais dignifica nosso trabalho. Por isso, vamos promover uma terceira edição. O plano é aproveitar maio, o mês das noivas, para promover o ‘3º Casamento Comunitário’”, compartilhou Viviane, na abertura da cerimônia.

Durante seu discurso, Filló destacou a importância da adesão dos casais ferrazenses ao projeto, bem como a colaboração por parte do comércio local na iniciativa. O prefeito de Ferraz lembrou, inclusive, que muitos dos noivos que ontem se casaram já tinham união estável, mas, por conta do ônus de uma cerimônia tradicional “adiavam o sonho de trocarem alianças”:

“Os comerciantes procurados pelo Fundo Social aderiram à ideia de imediato, até por se tratar de um tema sensível. Sinto uma alegria muito grande em poder ajudar esses casais de baixa renda, que sempre sonharam em se unir e que, muitas vezes, já até moram juntos. Aqui, a noiva que sempre almejou trocar alianças com seu amado vestida de branco, com direito a véu e grinalda, bolo e champanhe, realiza seu sonho”, complementou o gestor.

Além de Filló e Viviane, a cerimônia ainda contou com a presença do vice-prefeito e secretário municipal de Habitação, José Izidro Neto, dos secretários municipais Juracy Ferreira da Silva (Governo), Elio de Andrade Filho (Indústria, Comércio, Ciência e Tecnologia), Denise de Oliveira Andrade (Promoção e Desenvolvimento Social) e Carla Fiamini (Comunicação Social) e dos adjuntos Silas Faria (Planejamento) e Marcos Marcelino, o Marquinhos (Verde e Meio Ambiente).

Já o Poder Legislativo foi representado pelos vereadores Henrique Marques, Cícero Rodrigues da Silva, o Cícero do Gás, e Antonio Carlos Alves Correia, o Tonho.